Onde a poesia tem cheiro de café...

terça-feira, 22 de julho de 2014

Em Teu Nome

Com 0 Comentario

Hoje eu ouvi passarinhos assoviando o teu nome.
O sol ao ouvir - Raiou,
Vida brotou...
E um coração analfabeto poetizou,
Teu Nome!
Até o uni-verso se fez versos para ti...
Eu os colhi e vivi inspirado em teu nome.

Adriano Alves

+1

0 comentários :

Postar um comentário

Postagens populares