Onde a poesia tem cheiro de café...

segunda-feira, 25 de maio de 2015

Pés...

Com 0 Comentario
Ele beijava e massageava os pés dela incansavelmente.
Um podólatra?
Não!
Era apenas gratidão por aqueles pés que a levou até ele.


Adriano Alves

+1

0 comentários :

Postar um comentário

Postagens populares