Onde a poesia tem cheiro de café...

segunda-feira, 24 de agosto de 2015

Até Breve...

Com 0 Comentario

A alma dela apenas deslizou nos braços da morte, afinal, o lugar dela era mesmo no colo da vida. 

Adriano Alves.

+1

0 comentários :

Postar um comentário

Postagens populares