Onde a poesia tem cheiro de café...

segunda-feira, 3 de agosto de 2015

Ela...

Com 0 Comentario
Ela era uma fonte benfazeja...
Por isso dia após dia eu a procurava a fim de bebê-la. 
Entre goles e pausas, ela saciava minha sede de água e de amor. 

Adriano Alves.

+1

0 comentários :

Postar um comentário

Postagens populares