Onde a poesia tem cheiro de café...

sábado, 2 de abril de 2016

Eros

Com 0 Comentario
A cama tornou-se um altar e, por reverência, eles ficaram nus. Em minutos, ascenderam uma oração: “Sou toda sua, usa-me...”.  “Sou todo seu; quero-te hoje e sempre...”. Em segundos as palavras não deram conta de expressar mais nada - e tudo se fez gemido.
Assim – Eros sorrindo os abençoou.

Adriano Alves.

Na mitologia grega, Eros (em grego antigo Ἔρως) era o deus primordial responsável pela atração sexual, venerado também como um deus da fertilidade.


+1

0 comentários :

Postar um comentário

Postagens populares